Região Sudeste

O encontro dá continuidade às discussões suscitadas pelo relatório do Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana (CDDPH) que apontou a existência de um padrão de violação de direitos na implantação de barragens no Brasil e que as mulheres são as maiores vítimas deste processo.

Movimentos participaram de audiência pública da Comissão de Minas Energia da Assembléia Legislativa de Minas Gerais, que debateu os impactos da construção do mineroduto da Ferrous entre Congonhas (MG) e Presidente Kennedy (ES).

Os movimentos sociais e sindicais de Minas Gerais participaram de uma audiência pública na última sexta-feira (2) para debater os impactos da mineração no norte do estado.

45 militantes da Via Campesina receberam nessa sexta-feira (11) o diploma de bacharelado e licenciatura em Geografia pela Universidade Estadual Julio de Mesquita Filho (UNESP), campus de Presidente Prudente (SP).

O Mercado Popular de Alimentos, em São Gabriel da Palha (ES), é um espaço onde os camponeses poderão vender diretamente sua produção para os consumidores, sem passar por nenhum atravessador.

Cerca de 150 pessoas participaram na noite desta quinta-feira (03), no Auditório do Departamento de Economia Rural da Universidade Federal de Viçosa (MG), do lançamento do livro “O Cronista”, romance escrito pelo padre Antônio Claret Fernandes, militante do MAB em missão na Prelazia do Xingu, região onde está sendo construída a barragem de Belo Monte.

O Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) realiza na próxima quinta-feira, dia 03 de novembro, o lançamento do livro “O cronista, quando o amor, missão e militância cruzam o mesmo caminho”. O romance foi escrito pelo padre Antônio Claret Fernandes, militante do MAB, hoje em missão na região de Altamira, no Pará, onde será construída a barragem de Belo Monte. O lançamento acontece às 20 horas, na Universidade Federal de Viçosa.

O Secretário Estadual de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais, Adriano Magalhães Chaves, concedeu ad referendum Licença de Instalação à empresa Canadense Carpathian Gold, para exploração de ouro, no município de Riacho dos Machados, na Bacia do Rio Gorutuba, Norte de Minas Gerais.

Foram sete dias de luta que permitiram o avanço na conquista da pauta local, que foi entregue à empresa na quinta-feira (22), e que fortaleceram a organização do Movimento dos Atingidos por Barragens na Zona de Mata de Minas Gerais.

A reunião ocorreu no acampamento Silvio Ziquita, que começou na terça-feira (20), às margens do lago de Emboque, em Abre Campo, Minas Gerais.