Sinop

Os manifestantes contestam o caderno de preços, que estabelece indenizações das benfeitorias com valores inferiores aos preços reais.

No dia 14 de julho atingidos pela UHE-Sinop, assentados, meeiros, e organizações parceiras do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) se reuniram na câmara de vereadores do município de Sinop. De um lado estavam representantes da empresa, Companhia Energética Sinop S/A (CES) e superintendente do INCRA do estado e, do outro, os atingidos exigindo seus direitos. A reunião foi intermediada pela procuradora federal Flavia Cristina Torres.

Atingidos do assentamento da Gleba Mercedes 5 protestaram, nesta quinta-feira (07), em frente ao prédio da concessionária responsável pelas obras da Usina Hidrelétrica Sinop (UHE).

Um ano após o inicio da construção da usina não há nada de concreto para os atingidos do município de Sinop, no Mato Grosso.

Um ano após o inicio da construção da usina não há nada de concreto para os atingidos do município de Sinop MT.

A Justiça Federal do Mato Grosso suspendeu a emissão de licença de instalação da hidrelétrica de Sinop, prevista para ser erguida no rio Teles Pires, no Mato Grosso. A determinação judicial, emitida no dia 1 de abril pelo juiz federal Murilo Mendes, impede o início das obras da hidrelétrica, que foi leiloada em agosto do ano passado. 

do Forestcom

O documentário “UHE Sinop x Assentamento 12 de outubro”, segundo vídeo da Forest Comunicação selecionado para o Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá –Cinemato, foi exibido na última quarta-feira (25).

Trabalhadores (as) rurais ligados ao MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), CPT (Comissão Pastoral da Terra), MAB (Movimento dos Atingidos por Barragens) fecharam a rodovia Br 163 no trecho que liga a cidade de Sinop, nesta terça feira às 6 horas da manhã. O trancamento continua na tarde desta quarta-feira.

Dentre os vícios no EIA/RIMA estão omissões na delimitação das áreas de influência do empreendimento; falta de definição dos métodos de transposição de espécies ameaçadas de extinção em virtude a obra; além de falhas em relação às alterações do regime hidrológico do rio Teles Pires.