Em MG, Lula recebe carta de Geraizeiros organizados no MAB

A cidade de Salinas foi a primeira do Norte de Minas Gerais que a Caravana Lula pelo Brasil passou na tarde desta quinta-feira (26) e mobilizou todas as cidades e comunidades rurais da região. Antes da ida a Montes Claros, Lula colocou na rota o território geraizeiro. “Estamos fazendo quase uma revisita ao Brasil e ver como estão às regiões”, disse o ex-presidente.

O território tradicional geraizeiro é marcado por resistência e luta em defesa do cerrado e pela libertação dos seus povos. Durante a visita de Lula, os geraizeiros das cidades de Josenópolis, Grão Mogol e Padre Carvalho, organizados no Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), entregou uma carta pedindo apoio ao ex-presidente para junto ao Governador Fernando Pimentel garantir a agilidade na publicação do decreto que regulamenta a lei estadual 21147/2014 que institui a política estadual para o desenvolvimento de povos e comunidades tradicionais e movimentos sociais.

O decreto foi aprovado na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (SEDA) e atualmente está na Secretaria de Estado da Casa Civil e Relações Institucionais para publicação.

Confira trecho da carta entregue ao ex-presidente:

“Com você, através do Instituto Lula, possa se somar na construção deste decreto, para assim se efetivar o sonho do povo geraizeiro ao seu território ancestral. Cultura tradicional, assim como, acesso a terra, a água, a produção de alimentos, cooperativas e tudo o que o cerrado nos oferece.

[...]Gostaríamos que esta caravana seja um símbolo de um Projeto Popular para o Brasil, onde todo o povo brasileiro possa viver com dignidade e soberania.”