Banner-site_Belo-Monte

Norte Energia age com truculência contra atingidos por Belo Monte

Na tarde de ontem (21/04) a Norte Energia, dona de Belo Monte, causou confusão ao tentar impedir com truculência que um morador da rua Bomfim, no Bairro Boa Esperança (Altamira-PA), reformasse um pequeno barraco.

O local está na área prevista para o lago da hidrelétrica, de onde as famílias terão de ser removidas. Os moradores de lá, no entanto, ainda não tem garantia de receber uma nova casa.

A empresa esteve representada nessa ação por um funcionário apresentado como João Batista, um guarda particular e um policial militar, de acordo com os moradores.

"Foi uma ação abusiva, o policial que estava à paisana entrou na casa e avisou ao morador que se ele não desfizesse o barraco ele mesmo iria derrubar", informa uma testemunha que não vamos identificar por medo de represálias.

Logo formou-se uma aglomeração de moradores pra ajudar àquele que estava sofrendo pressão da empresa. O policial, ao ver que um adolescente estava filmando com celular a ação, tomou o aparelho da mão do rapaz e jogou no meio do água do igarapé (VEJA NO VÍDEO ESTE MOMENTO).

Quando os moradores foram até a delegacia fazer uma denuncia contra a ação, o policial e funcionário da empresa já estavam lá. Um dos moradores relata que o representante da empresa os ameaçõu, dizendo que, se tivessem alguma filmagem, que apagassem e não fizessem a denúncia, pois a Norte Energia daria fim no cadastro deles e ninguém teria indenização alguma, ou seja, seriam expulsos sem nenhum direito.

Essa atitude da Norte Energia é só mais um episódio de violação de direitos dumanos que vem ocorrendo contra os atingidos por Belo Monte em Altamira e região.