Produção agroecológica dos atigidos dá frutos no Oeste da Bahia

O MAB vem contribuindo para fortalecer a soberania alimentar nas regiões atingidas por barragens através dos PAIS (Produção Agroecológica Integrada e Sustentável), projeto de hortas circulares de produção agroecológica. Essa conquista vem dando frutos e animando o povo a continuar participando da luta por uma sociedade diferente.

Para Joana Pereira Barros, coordenadora de um grupo de base do MAB na comunidade de Laranjinha, no município de Coribe (Oeste da Bahia), “trabalhar uma conquista que vem da nossa própria luta é muito bom pois a gente se sente animada para os organizar ainda mais em nossa comunidade.”

“Hoje com o PAIS aumentamos nossa produção, melhoramos nossa alimentação, comercializamos mais na feira e na própria comunidade e entendemos que só com a luta a gente consegue avançar”, afirmou. Na região foram construídos 25 PAIS de mais de 1000 implantados nas regiões atingidaspor barragens em todo o país.