Energia

Depois de muitas denúncias da péssima qualidade da energia recebida na região norte do RS pela distribuidora RGE e depois de muitas reivindicações, o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) conquistou melhorias para a população, através do programa Luz para Todos, do Governo Federal.

Nesta sexta-feira (19/3), às 22h10, o Programa Projeto Popular, exibido pela TV Educativa do Paraná, traz o debate sobre o modelo energético brasileiro e as hidrelétricas no Brasil. Participam do debate Gilberto Cervinski (da coordenação nacional do Movimento dos Atingidos por Barragens) e Antônio Goulart (engenheiro eletricista e direção do Sindicato dos Engenheiros do Paraná - Senge/PR).

O debate é realizado na semana do Dia Internacional de Luta Contra as Barragens , celebrado em 14 de março.

A ETH Bioenergia, empresa transnacional do grupo Odebrecht, anuncia hoje a compra da Companhia Brasileira de Energia Renovável (Brenco). A operação criará uma das maiores produtoras de etanol do mundo, com capacidade inicial de três bilhões de litros/ano e geração de 2.500 gigawatts-hora (GWh) de energia a partir da queima do bagaço de cana.

Na tarde de ontem (04/02), representantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) foram recebidos pelo Presidente Lula, em Brasília. Na audiência o MAB entregou uma carta ao presidente, na qual reforçou sua posição contrária à construção da Usina Hidrelétrica de Belo Monte e criticou a atual posição do governo quanto ao setor elétrico, que entrega para empresas privadas o controle da geração, transmissão e distribuição de energia.

Desde a última quarta-feira (27 de janeiro), 65 estudantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e de diversos movimentos sociais de todas as regiões do Brasil, e também da Colômbia, El Salvador e Argentina, estão no Rio de Janeiro para a conclusão da primeira turma do Curso de Extensão e Especialização "Energia e sociedade no capitalismo contemporâneo". O curso é realizado em uma parceria entre o MAB e o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (IPPUR), da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Amanhã, às 7h30, trabalhadores do Sinergia (Sindicato dos Eletricitários de Florianópolis) realizarão um ato político e cultural na frente da empresa Tractebel Energia. O objetivo é protestar contra as práticas que buscam impedir a participação dos empregados nas discussões dos sindicatos.

Apesar de todos os protestos, documentos comprobatórios das irregularidades e mobilizações, o governo brasileiro segue comprometido com essa via de desenvolvimento

Elaine Tavares

Acontece amanhã, dia 8 de dezembro, no município de Itapiranga/SC, o ato de inauguração e entrega das primeiras dez unidades de biodigestores do Projeto Alto Uruguai e a assinatura do termo de compromisso para geração de energia elétrica entre a Eletrosul e a Associação Bioenergia.